Marinha apoia regulamentação da profissão de Marinheiro Particular

marinheiro particular navegando com segurancaVocê sabia que a luta pelo reconhecimento da profissão  do MARINHEIRO de ESPORTE e RECREIO começou com a AAMCASP (Associação dos Arrais, Mestres e Capitães Amadores do Estado de São Paulo) em 2004 e que somente em 2006 conquistamos este avanço junto ao Ministério do Trabalho e Emprego, o registro da profissão na CBO (classificação brasileira de ocupações) sobre numero 7827-25 no grupo de Trabalhadores Aquaviários.

Porém somente em 2010 com a fundação do SINTAGRE (Sindicato dos Trabalhadores Aquaviários do Guarujá e Região) é que o movimento ganhou forças politicas, desde então o sindicato tem informado os trabalhadores e fomentado a luta junto a Marinha do Brasil, o último fato em agosto de 2015, segundo o deputado federal Marcelo Squassoni (PRB/SP), o Capitão da Marinha Leonardo Pavoni revelou que a Marinha do Brasil também apoia a regulamentação da profissão de Marinheiro de esporte e recreio.

O SINTAGRE informa que além de trabalhar para que a DPC (Diretoria de Portos e Costas) reconheça a profissão por direito, também luta para a criação de um Curso especifico para a formação profissional da categoria.

Maiores Informações: www.sintagre.com.br com Luiz F. Pontes (Presidente SINTAGRE e Abelardo B. S. de Souza (Diretor do Conselho Fiscal)

Link noticia completa: Deputado Marcelo Squassoni

“CCC” Curta, Comente e Compartilhe a nossa pagina no Facebook:
www.facebook.com/MarinheirosParticulares

Envie “Marinheiro” para Whatsapp (48) 84611646 e receba noticias da profissão.

Compartilhe com seus amigos do mar!Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on Twitter0Pin on Pinterest0Share on LinkedIn0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *